Yane conquista ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto

TORONTO – Yane Marques conquistou neste sábado (18), de maneira dramática, o ouro no pentatlo moderno no Pan de Toronto. Ela e a mexicana Tamara Vega disputaram palmo a palmo a medalha de ouro até o final da corrida, que define a classificação. A brasileira cruzou pouco à frente da rival e, após o triunfo, desabou de cansaço. Foi levantada apenas pela equipe de apoio do evento.

O título no Pan coroa uma década de sucesso para Yane, e uma “vingança pessoal” em relação à edição passada, em Guadalajara, quando foi prata. Ela havia sido campeã da prova nos Jogos Pan-Americanos do Rio, em 2007. Após o resultado no México, Yane conquistou o bronze nos Jogos Olímpicos de Londres, e prata e bronze nos Campeonatos Mundiais de 2013 e 2015, respectivamente. Com tal currículo, a pernambucana, de 31 anos, chegou ao Canadá como maior favorita.

Neste sábado (18), depois de excelente desempenho nas provas de abertura – foi primeira na esgrima e na natação -, ela foi décima no hipismo. Chegou à prova combinada, que define o título, com 36 segundos de vantagem na largada perante Tamara Vega. Não contava, porém que a mexicana fizesse uma corrida de recuperação incrível. Tamara tirou 35 segundos de diferença e praticamente colou em Yane. A brasileira reuniu forças para cruzar à frente, mas em seguida despencou. O bronze ficou com outra mexicana, Mayan Oliver.

RECUPERAÇÃO

A conquista tem um sabor especial para Yane, que pertence às Forças Armadas – é das atletas que costumam fazer posição de sentido e continência em cerimônias. Ela passou por um momento ruim em 2014, quando chegou a cair bastante no ranking internacional. No Mundial daquele ano, por exemplo, terminou apenas na 14ª posição.
Agora, com medalhas no Mundial e no Pan, ela volta a ser tida como uma das favoritas ao pódio nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016.

Comentários