Santa Cruz vence Serra Talhada por 3×0 e se classifica para as semifinais

Com plena autoridade durante os dois tempos de partida, o Santa Cruz derrotou o Serra Talhada por 3×0, na noite deste sábado (21/3), no Arruda, e já carimbou a sua classificação às semifinais do Hexagonal do Título com uma rodada de antecedência – o time, no mínimo, ficará com a 4ª colocação com qualquer combinação de resultados no complemento desta rodada hoje e na última jornada, no dia 5 de abril. 

O 3×0 é um troco ao time sertanejo que bateu o Santa por esse mesmo placar. O destaque foi o golaço do garoto Raniel, o primeiro em sua carreira como profissional, abrindo o caminho para a vitória. Os outros foram de Betinho.

Agora, a equipe assume provisoriamente a vice-liderança do Estadual, com 13 pontos. Na última rodada, no Domingo de Páscoa, o Santa visitará o Sport, às 16h, na Ilha.

O JOGO

Precisando do resultado para não ter que definir a classificação às semifinais na última rodada do Hexagonal, o Santa começou se lançando ao ataque. O técnico Ricardinho testou uma nova formação no meio-campo, recuando o volante Edson Sitta e dando a Thiaguinho a responsabilidade de encostar nos atacantes. Coube a João Paulo e a Bruninho caírem pelas laterais. O reposicionamento surtiu efeito e foi refletido no domínio coral.

Durante toda a etapa inicial, o tricolor conseguia criar boas jogadas, no entanto, que não se refletiam em oportunidades claras de gol. Os lances mais perigosos saíram apenas no fim do primeiro tempo, todos eles com participação direta do lateral-esquerdo Tiago Costa, destaque da partida.

Se na primeira etapa, o Santa criou muito, mas não conseguiu traduzir as chances em bola na rede, no segundo, a equipe voltou decidida a tirar o placar do zero. Logo no primeiro minuto, o lateral Tiago Costa, mais uma vez, fez bela jogada pela linha de fundo e cruzou para o atacante Betinho, que chutou por cima. Se o último passe “teimava” em não chegar redondo aos atacantes, o técnico Ricardinho resolveu mudar, acionando o meia Raniel. 

Galeria de imagens

Legenda
Anteriores

Próximas


Com pouco tempo em campo, coube ao prata da casa tirar o placar do zero, acertando um lindo chute de cobertura à frente da grande área, aos 11 minutos, abrindo o placar. 

Seis minutos depois, em mais uma jogada do meio-campo, o volante Bruninho cruzou e, após confusão na pequena área, a bola sobrou para Betinho, que ampliou para 2×0. 

No último lance, Alemão soltou uma bomba numa cobrança de falta, o goleiro deu rebote, e Betinho fuzilou: 3×0.

Comentários