Santa Cruz tenta manter o embalo contra o CRB

O Santa Cruz não para de subir na classificação da Série B do Campeonato Pernambucano. Agora na 12º colocação, com 12 pontos, o Tricolor receberá no Arruda, nesta terça-feira (7), às 21h50, o CRB-AL, na nona colocação, com 14 pontos. Ou seja, se ganhar, além de manter o embalo na competição, deixará para trás um adversário direto. Confira os detalhes do “Por dentro do jogo” aqui.

É notório a melhora do Santa Cruz na competição. De 18º colocado e correndo riscos de assumir a lanterna em certos momentos a possível oitavo colocado, se todos os resultados nessa 11ª rodada forem favoráveis.

Se antes a pressão por uma vitória era grande e a cada tropeço a desconfiança só fazia aumentar, devido ao jejum de seis partidas sem ganhar (três derrotas e três empates), agora os bons ventos voltaram ao Arruda. Nada que uma sequência de cinco rodadas sem perder (os mesmos três empates e as vitórias contra Sampaio Corrêa, por 1×0; e Bragantino, por 2×1) não trouxesse. 

Para Diego Sacoman, o Santa Cruz precisa aproveitar o bom momento. “Estamos numa sequência boa. Temos que ter consciência e pés no chão de que ainda temos um longo campeonato pela frente muito a se corrigir. Mas voltamos ao trilho das vitórias e a responsabilidade só faz crescer a cada jogo”, disse o zagueiro, para emendar logo em seguida: “Quem quer buscar o acesso tem que roubar pontos fora e vencer todos os jogos em casa”, completou.

Essa necessidade de não voltar a tropeçar no Arruda, como aconteceu contra ABC (1×0) e Boa Esporte (0x0), fez o treinador não poupar nenhum dos cinco atletas (Fred, Nininho, Danny Morais, Wellington Cézar e Nathan) pendurados com dois cartões amarelos, mesmo com um importante clássico no próximo sábado, contra o Náutico, na Arena Pernambuco.

“O clássico ainda não existe. O que existe é o CRB. Vão jogar todos os atletas independentes de cartão. Não vamos pensar em clássico antes de quarta-feira. Os jogadores vão jogar sem nenhuma recomendação especial com relação a cartão. Precisamos entrar com força máxima e concentração total no jogo de amanhã (hoje)”, afirmou Martelotte.

Os desfalques são Alemão (machucado) e Bileu (suspenso). E como não abrirá mão de nenhum atleta e não teve tempo para treinar, o mistério prevalece no Arruda. Com Bruninho de volta após cumprir suspensão automática, fica a dúvida se ele será titular e em qual posição: na cabeça de área ou improvisado como lateral-direito? Ele só revelará a escalação minutos antes do jogo.

Comentários