Recife: Metroviários e rodoviários cruzam braços nesta sexta

Metroviários e Rodoviários fazem paralisações em protesto contra o projeto de lei da terceirização e as medidas provisórias que alteram a aposentadoria e mexem no seguro-desemprego e pensões previdenciárias. A mobilização é nacional. Foi convocada por centrais sindicais.

Os metroviários param por 24 horas. Já os rodoviários cruzam os braços na manhã desta sexta-feira (29) no Centro da Cidade. A ideia é travar a Avenida Guararapes com os coletivos para que nenhum consiga circular.

A partir das 14h, as duas categorias se concentram na Avenida Cruz Cabugá na esquina com a Avenida Norte. De lá, seguem em caminhada que passará pela Avenida Conde da Boa Vista e Rua Princesa Isabel.

O sindicato dos Rodoviários espera entre 30% e 50% de adesão dos profissionais. Já o Sindicato dos Metroviários acha que 80% dos trabalhadores devem aderir à ação.

De acordo com o presidente da entidade, Diogo Morais, as áreas de manutenção dos trens param às 22h de hoje. O Metrorec transporta uma média de 420 mil usuários por dia. Dois milhões é o número de passageiros de ônibus diários da RMR.

Do Diario de Pernambuco

Comentários