PF cumpre mandados em Pernambuco referentes a inquéritos da Operação Lava Jato

A Polícia Federal em Pernambuco cumpre, na manhã desta terça-feira (14), oito mandados de busca e apreensão no Estado. A Operação Politeia é um desdobramento da Lava Jato e acontece também no Distrito Federal (12) e nos estados da Bahia (11), Alagoas (7), Santa Catarina (5), Rio de Janeiro (5) e São Paulo (5).

Um dos mandados é cumprido na casa do senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), eleito no ano passado, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, segundo a Rádio Jornal. De acordo com o repórter Romualdo de Souza, a polícia federal apreendeu documentos no apartamento parlamentar do deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE), em Brasília.  O repórter apurou ainda que a polícia também esteve nas casas do senador Ciro Nogueira (PP-PI) e Fernando Collor de Melo (PTB-AL).

Os 53 mandados, expedidos pelos ministros Teori Zawascki, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski, são referentes a seis processos instaurados a partir de provas obtidas na Operação Lava Jato. Esta nova fase investiga políticos com foro privilegiado como deputados federais, senadores, presidente da república e ministros de estados. As buscas ocorrem tanto na residência dos investigados pelo Supremo Tribunal Federal, quanto em endereços funcionais, sedes de empresas, escritórios de advocacia e órgãos públicos.

Com objetivo de evitar que provas importantes sejam destruídas pelos investigados, a PF está autorizada a apreender também bens que possivelmente foram adquiridos pela prática criminosa. Segundo a polícia, os investigados respondem por crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, evasão de divisas, fraude a licitação, organização criminosa, entre outros. Aproximadamente 250 policiais federais participam da ação, que é realizada em conjunto com o Ministério Público Federal. Em Pernambuco, estão em serviço 40 policiais federais e oito procuradores da República, cumprindo mandados no Recife e em Suape, na Refinaria Abreu e Lima.

Segundo a Agência Folhapress, em Maceió, Alagoas, a polícia cumpre mandado na casa do filho do senador e ex-presidente Fernando Collor de Mello (PTB-AL), Arnon de Mello, e na sede da TV Gazeta, afiliada da TV Globo, da qual Collor é acionista.

Comentários