Pernambuco pode ser palco do UFC em 2016

Pernambuco iniciou as negociações para receber uma edição do UFC no primeiro semestre do ano que vem. O secretário de Turismo, Esportes e Lazer do governo do Estado, Felipe Carreras, esteve reunido nesta quinta-feira (30), em São Paulo, com dirigentes da franquia norte-americana, a mais importante do mundo de MMA (artes marciais mistas, sigla em inglês). O próximo encontro deve acontecer até outubro, no Recife. O principal empecilho para o acerto, no momento, é a carência de um ginásio na cidade com infraestrutura para sediar o evento.

“Foi uma conversa preliminar, mas muito boa. Existe um interesse de ambas as partes em um acerto. Pernambuco terá um ginásio modernizado no primeiro semestre do ano que vem. Isso é um importante atrativo”, afirmou Felipe Carreras. O secretário se refere ao Geraldão, que está em obras de requalificação desde 5 agosto de 2013. No cronograma inicial, a reforma deveria acabar nos próximos dias, mas problemas no projeto e falta de recursos atrasaram a entrega em quase dez meses.

Essa não é a primeira vez que integrantes da alta cúpula do governo do Estado se reúnem com membros do UFC para tratar sobre uma edição do evento em Pernambuco. Em outubro de 2011, um dos sócios da franquia norte-americana, Lorenzo Fertitta, visitou o ex-governador Eduardo Campos no Palácio do Campo das Princesas. Ficou pré-acertado que Pernambuco receberia o campeonato no ano seguinte, mas os graves problemas de infraestrutura no Geraldão impossibilitaram sua realização.

Comentários