Neymar terá de depor sobre sua ida para o Barça, diz rádio espanhola

A imprensa espanhola informou, na manhã desta sexta-feira, que Neymar terá de declarar em juízo sobre sua transferência do Santos para o Barcelona, investigada pelo fisco espanhol. De acordo com informações do “Cadena SER”, a exigência da Justiça seria porque o craque brasileiro teria assinado nove dos 13 documentos de contrato com o clube catalão.

Segundo o site do canal espanhol, Neymar será citado como testemunha do processo de fraude fiscal movido contra o presidente do Barça, Josep Maria Bartomeu, e o antecessor, Sandro Rosell, igualmente acusado de administração fraudulenta.

O Barcelona é investigado pela contratação do atacante brasileiro. O Ministério Público da Espanha calcula que a suposta fraude na compra do astro brasileiro gire em torno de ? 13 milhões (R$ 45,4 milhões), que seriam de impostos não pagos em cima de diferentes contratos “secretos”, com Neymar e seu pai, de 2011 a 2013. A Audiência Nacional afirma que Rosell, ex-presidente do Barça, tentou disfarçar o alto custo do negócio com pagamentos divididos, tendo Bartomeu, atual mandatário, como cúmplice.

Comentários