Lisca avisa que time não pode errar na decisão contra o Flamengo

O técnico Lisca avisou aos jogadores: “É um jogo de erro zero.” Foi dessa forma que o comandante do Náutico se referiu ao confronto diante do Flamengo, nesta quarta-feira (15/7), às 22h, na Arena Pernambuco, que vale vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. O alvirrubro entra em campo com a vantagem de um empate sem gols, porque na partida de ida, em 27 de maio, arrancou o 1×1 no Rio de Janeiro. A repetição do placar leva a decisão para a cobranças de pênaltis. Um resultado igual a partir de 2×2 garante à classificação ao rubro-negro carioca. Quem vencer passa e abocanha uma cota em torno dos R$ 690 mil.

Diante de toda essa situação, Lisca fechou o treino da terça-feira (14), no CT Wílson Campos, na Guabiraba. Até a entrevista, que ocorre antes nesses casos, foi depois do treinamento. “Não fiz o treino para esconder escalação, mas para termos mais privacidade, testar algumas jogadas, fazer um treino de posicionamento, bola parada e analisar algumas opções”, argumentou o técnico, que não revelou a formação da equipe.

Lisca não conta com o zagueiro Ronaldo Alves, o meia Hiltinho e o volante Gil Mineiro. Eles já atuaram nesta edição da Copa do Brasil por Avaí, Boa Esporte e Sampaio Corrêa, respectivamente, e não podem mais jogar na competição.

Uma ausência, porém, deixou o técnico irritado. O lateral Gastón Filgueira treinou no time titular na segunda-feira (13), mas o treinador só descobriu que o jogador terá de cumprir suspensão devido ao terceiro cartão amarelo na terça-feira. Sobre o assunto, Lisca evitou maiores comentários. “Não tenho que falar. Fiquei sabendo da suspensão pelos torcedores. Os responsáveis é que devem falar sobre isso”, disse.

Na vaga de Gastón deve permanecer improvisado o volante Fillipe Soutto, que atuou no clássico contra o Santa Cruz. Para zaga a opção é Diego, mas o volante Willian Magrão pode ser deslocado. Nesse caso, Bruno Alves entraria no meio.

O comandante alvirrubro falou sobre o adversário. “Conversei com o grupo sobre o Flamengo. É um jogo de erro zero. Eles estão reforçados com Guerrero e Emerson Sheik, talvez, os melhores atacantes do momento. Mas não vamos ficar esperando o Flamengo, vamos agredir, ter equilíbrio para conseguirmos o resultado”, afirmou.

TRANSPORTE
Os torcedores do Náutico podem ficar sem metrô para ir à Arena Pernambuco acompanhar a partida contra o Flamengo. O Sindicato dos Metroviários ameaça paralisar as atividades às 16h desta quarta-feira caso a Polícia Militar não ofereça reforço na segurança nas estações. A PM vai se posicionar sobre o pedido do Metrorec às 10h.

No domingo passado, os metroviários também pararam as atividades antes de Sport x Palmeiras. Foi uma resposta aos episódios de violência acontecidos na véspera, antes e depois do clássico entre Náutico e Santa Cruz.

Comentários