Jennifer Pamplona está há oito meses sem sexo: 'Prefiro fazer compras'

Tímida e discreta. É assim que Jennifer Pamplona, a “Susi Humana”, se define quando o assunto é sexo. A estilista, que deu seu primeiro beijo aos 8 anos de idade e perdeu a virgindade aos 17, prefere não dar muitos detalhes sobre sua intimidade. Mas mesmo tentando mudar de assunto, ela deixou escapar nos bastidores do Paparazzo um pouco de suas preferências na cama.

“Não gosto de sexo, prefiro fazer compras, ir ao shopping. Claro que é importante o cara ter pegada, mas prezo muito mais quem me trata com carinho, me faz ser a princesa dele, como o Celso fazia (referindo-se a Celso Santebanes, o ‘Ken Humano’, com quem ela namorou e que morreu no dia 4 de junho, após luta contra o câncer). Não me submeto nunca a sexo casual, de jeito nenhum. Fui criada em uma família bastante tradicional e só faço sexo quando realmente sinto intimidade com a pessoa. Para me conquistar na cama é importante ter respeito e ser bastante carinhoso”, revelou Jennifer, que diz ter transado pela última vez há oito meses, com um namorado que teve antes do “Ken Humano”. Com Celso, com quem namorou por seis meses, ela já contou não ter tido tempo de chegar “aos finalmentes”.

Questionada sobre a frequência com que o sexo vem à sua cabeça, Jennifer dispara: “Acho que sou assexual. Só penso em sexo mesmo quando estou ‘no cio’. Aí tenho vontade”. Ela conta que sua família a ensinou que relações sexuais deveriam acontecer apenas depois do casamento e que, acreditando também nisso, ela perdeu a virgindade confiante que logo iria se casar.  “Tinha certeza de que meu primeiro namorado seria meu marido. Ele era libanês e eu o conheci em um bar. Me apaixonei completamente e tinha certeza que iríamos casar, por isso fizemos sexo. Sofri demais quando percebi que na verdade ele era um grande mulherengo. Na cabeça dele não passava os mesmos planos que passavam na minha”, lamentou.

Casamento e filhos
Construir uma família de “comercial de margarina” era um dos planos de Jennifer com Celso Santebanes. Segundo a estilista, eles falavam bastante em casamento e em ter muitos filhos: “Ele queria ter cachorro, casa, filhos. Aquele sonho de família mesmo, sabe? A gente já tinha planos disso. O Ken era um rapaz do interior, tradicional e prezava demais tudo isso.”

Ainda em luto, a “Susi Humana” diz que perdeu o encanto pelo casamento e que dificilmente se apaixonará novamente na vida: “Duvido que eu vá encontrar um homem que me trate tão bem quanto o Celso me tratava. Ele fazia tudo por mim, cuidava de tudo com muito amor”.

 

Comentários