Homenagem a Senna ilumina SP comshow de cores, água e som; assista

Ayrton Senna e água sempre tiveram tudo a ver. Algumas das maiores vitórias do piloto vieram debaixo de chuva. Na noite desta terça-feira, a cidade de São Paulo foi iluminada com um show de água, cores e som em homenagem ao tricampeão, com duração de 21 minutos. Foi a primeira apresentação da famosa Fonte Multimídia do Parque do Ibirapuera, um dos principais cartões postais da capital paulista. Xará do piloto, Ayrton Martini, diretor artístico da obra, explica como tudo foi feito:

– Para começar, foi o Ayrton que me copiou com o nome, sou mais velho do que ele seria (risos). A fonte é uma fonte multimídia. Tem sistema de som, bicos de jatos de água de vários movimentos, e um telão de água. Ele recebe projeções de imagens em movimento. A história é contada com música, luzes, cores, narrações e imagens. – explicou.

O evento foi o primeiro de uma série de apresentações que lembrarão os 21 anos da morte de Ayrton Senna, ocorrida no dia 1º de maio de 1994, em Ímola. O mesmo show poderá ser visto nos próximos dois fim de semanas (veja horários abaixo). Bianca Senna, sobrinha do piloto e diretora do Instituto Ayrton Senna esteve presente no evento de inauguração da homenagem e elogiou o produto final:

– Deu para sentir a voz do Ayrton no ambiente, as imagens são belíssimas. Foi muito legal fazer o projeto porque ele junta a água com o Ayrton de uma forma mais poética. Eles conseguiram reconstruir a carreira do Ayrton de uma maneira inovadora – disse.

Um dos momentos mais emocionantes do show é a lembrança da histórica corrida em Donington Park em 1993, onde Senna protagonizou a melhor volta da história da Fórmula 1, com três ultrapassagens em um período curtíssimo de tempo. O trecho é relembrado na íntegra, com narração de Galvão Bueno. O diretor artístico da obra explica como baseou o roteiro:

– O que é o herói? É aquele que se imbui de uma missão, enfrenta desafios terríveis, conquista as maiores coisas e volta com uma mensagem. A mensagem não é para ele, é para todos. Uma mensagem de esperança, superação, uma mensagem que serve par todos. Esse era o Senna, fizemos o roteiro com essa ideia básica – disse.

Comentários