Guns N’ Roses conquista público com hino e hit pernambucano

Habitual atraso, telões, fogos, labaredas, longo repertório e execução de hino pernambucano marcaram a passagem do Guns N’Roses pelo estado com a turnê “South America Tour 2014”, com show terça-feira (15), no Chevrolet Hall, em Olinda. Foi a primeira apresentação da banda no Nordeste brasileiro, e, de brinde, trouxe o baixista Duff McKagan, um dos fundadores do grupo. Além disso, o guitarrista Ron “Bumblefoot” Thal fez questão de alegrar os anfitriões tocando a introdução de “Praieira”, música da banda local Nação Zumbi.

O grupo cearense Vatz abriu a noite e deixou o palco antes das 22h, horário marcado para o show do Guns. A passagem de som foi rápida e os integrantes da banda norte-americana já estavam na casa desde as 20h, menos Axl. Às 23h30, após vaias, desmaios na plateia e entrega de paletas, a apresentação começou com fogos de artifício e “Chinese democracy”, seguida pelo hit “Welcome to de jungle”.

Duff McKagan
Antes da execução de “It’s so easy”, Axl pediu licença para apresentar um músico que estava naquela noite substituindo Tomy Stinson, que cumpria agenda com a outra banda dele, The Replacements. Ainda pediu que dessem uma chance ao jovem iniciante. Tratava-se de Duff McKagan. A presença dele no palco valia muito para os fãs, pois, atualmente, apenas Axl e Dizzy Reed (teclado) são membros da formação clássica.

Duff também está escalado para o show em Fortaleza, marcado para esta quinta (17), última parada da turnê sul-americana.

O baixista acompanhou todo o show, assumindo inclusive os vocais de algumas canções, como “Attitude” e “Raw power”. “Nice boys” (cover da Rose Tattoo), “My Michelle” e “Better” também entraram na sequência do set list.

Após solo do guitarrista Richard Fortus, a banda executou “Live and let die”, de Paul McCartney, com direito fogo em cena.

Dizzy Reed e o guitarrista DJ Ashba também tiveram seus momentos solo, quando emendarem o sucesso “Sweet child o’ mine”. Depois, Axl assumiu o piano com “November rain”.

Entre “Don’t cry” e “Civil war”, o guitarrista Ron “Bumblefoot” Thal tocou a primeira parte do hino do estado e “Praieira”, do grupo pernambucano Nação Zumbi.

‘Hellcife’
Antes de “Knockin’ on heaven’s door”, Axl comentou sobre o calor que fazia e ainda brincou dizendo que soube que a cidade chamava-se “Hellcife” (hell é inferno, em inglês).

Só o cantor continuava com chapéu, óculos escuro e casaco – vários foram usados ao longo do show -, enquanto o restante da banda estava de regata ou sem camisa.

Após “Nightrain”, a banda voltou para o bis com jam instrumental: “Patience”, “The seeker” e “Paradise city”.

Com quase 30 anos de carreira, a banda californiana atualmente ainda é formada por Chris Pitman (teclados) e Frank Ferrer (bateria). “Eu posso dizer que a voz do cara [Axl] está boa, lembrando o cantor do início mesmo. ‘Bumblefoot’ se preocupou em tocar algo para os fãs daqui e acho que a presença de Duff deu um novo gás para Axl”, opinou o administrador Luciano Pontes, que foi acompanhado pelo irmão Flávio.

A dentista Ítala Marques também curtiu bastante o show. “Sou fã desde a minha adolescência, mas quando a banda veio para o Brasil, eu era pequena e não pude sair daqui do estado. Ter eles aqui em casa, ainda mais com o Duff! Eles também mesclaram músicas antigas com nova. Foi espetacular”, afirmou.

No Recife
A banda está hospedada em um hotel da orla de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, desde o último domingo (15), quando Axl foi visto em um restaurante na região e tirou fotos com a cantora Alcione.

Um pequeno grupo de fãs fez plantão na porta do hotel. Duff, Ron Bumblefoot Thal, Frank Ferrer e DJ Ashba desceram para sessões de fotos.

Na tarde da última segunda (14), um incidente marcou a passagem do grupo na capital pernambucana. A esposa do guitarrista Richard Fortus foi assaltada próximo ao hotel quando voltava de um almoço, acompanhada de uma outra integrante da equipe.

Fãs ainda tentaram correr atrás dos suspeitos, que fugiram. De acordo com a polícia, nenhum boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Plantão do bairro.

Ainda na noite da segunda, Ron realizou um workshop na loja Gig, do shopping RioMar, no Pina, também na Zona Sul do Recife. A presença do artista atraiu dezenas de pessoas ao redor do estabelecimento, além dos 150 convidados.

Comentários

Leave A Reply