Disputa por pênaltis não assusta o Sport

A possibilidade de a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil ser decidida nos pênaltis não assusta o Sport – o Santos teria que vencer por 2×1, nesta quarta-feira (22), na Vila Belmiro, devolvendo o placar do confronto da ida. É que, além de contar com o goleiro Danilo Fernandes em grande fase, os rubro-negros não sabem o que é desperdiçar uma penalidade há 486 dias. Já são 28 cobranças efetuadas com sucesso.

No ano, são 18 pênaltis convertidos pelo Leão. O principal batedor é o meia Diego Souza, que fez seis até agora. Mas nas últimas duas penalidades, coube ao atacante André cobrar e marcar (nas partidas contra Internacional e Avaí, ambas pelo Brasileirão). Também fizeram nesta temporada: Samuel (3), Vitor (2), Régis, Danilo, Élber, Wendel e Felipe Azevedo. O levantamento é da equipe do Sport Números (facebook.com/sportnumeros).

“Pênalti é treinamento, estudo do adversário e equilíbrio emocional. Temos grandes cobradores: Diego Souza, Marlone, André, Wendel, Régis, Élber… Todos treinam sempre. Estamos bem servidos caso a decisão vá para os pênaltis contra o Santos”, afirmou o goleiro Danilo Fernandes, que vem se destacando substituindo Magrão, justamente um exímio pegador de pênaltis.

A última cobrança desperdiçada pelos rubro-negros foi através do atacante Neto Baiano, no dia 19 de março de 2014, no Arruda, na vitória por 2×1 sobre o Santa Cruz, nas semifinais da Copa do Nordeste.

Veja os 28 pênaltis convertidos pelo Leão:

1) 22/3/2014 (Neto Baiano): Sport 1×0 Porto (Pernambucano).

2) 09/4/2014 (Neto Baiano): Ceará 1×1 Sport (Copa do Nordeste).

3) 13/4/2014 (Leonardo): Sport 1×0 Santa Cruz (Pernambucano – disputa por pênaltis).

4) 13/4/2014 (Renan Oliveira): Sport 1×0 Santa Cruz (Pernambucano – disputa por pênaltis).

5) 13/4/2014 (Patric): Sport 1×0 Santa Cruz (Pernambucano – disputa por pênaltis).

6) 13/4/2014 (Ewerton Páscoa): Sport 1×0 Santa Cruz (Pernambucano – disputa por pênaltis).

7) 13/4/2014 (Neto Baiano): Sport 1×0 Santa Cruz (Pernambucano – disputa por pênaltis).

8) 1/5/2014 (Leonardo): Brasília 1×3 Sport (Copa do Brasil).

9) 13/9/2014 (Felipe Azevedo): Chapecoense 3×1 Sport (Série A).

10) 2/11/2014 (Diego Souza): Sport 1×0 Figueirense (Série A).

11) 31/1/2015 (Danilo): Santa Cruz 0x3 Sport (Pernambucano).

12) 22/2/2015 (Régis): Sport 4×2 Serra Talhada (Pernambucano).

13) 25/3/2015 (Diego Souza): Sport 1×0 Fortaleza (Copa do Nordeste – disputa por pênaltis).

14) 25/3/2015 (Samuel): Sport 1×0 Fortaleza (Copa do Nordeste – disputa por pênaltis).

15) 25/3/2015 (Élber): Sport 1×0 Fortaleza (Copa do Nordeste – disputa por pênaltis).

16) 25/3/2015 (Vitor): Sport 1×0 Fortaleza (Copa do Nordeste – disputa por pênaltis).

17) 5/4/2015 (Samuel): Sport 1×1 Santa Cruz (Pernambucano).

18) 16/4/2015 (Felipe Azevedo): Sport 4×1 CENE (Copa do Brasil).

19) 10/5/2015 (Diego Souza): Sport 4×1 Figueirense (Série A).

20) 10/5/2015 (Diego Souza): Sport 4×1 Figueirense (Série A).

21) 13/5/2015 (Diego Souza): Sport 2×0 Chapecoense (Copa do Brasil).

22) 13/5/2015 (Diego Souza): Sport 2×0 Chapecoense (Copa do Brasil – disputa por pênaltis).

23) 13/5/2015 (Samuel): Sport 2×0 Chapecoense (Copa do Brasil – disputa por pênaltis).

24) 13/5/2015 (Wendel): Sport 2×0 Chapecoense (Copa do Brasil – disputa por pênaltis).

25) 13/5/2015 (Vitor): Sport 2×0 Chapecoense (Copa do Brasil – disputa por pênaltis).

26) 17/5/2015 (Diego Souza): Flamengo 2×2 Sport (Série A).

27) 1/7/2015 (André): Sport 3×0 Internacional (Série A).

28) 05/06/2015 (André): Avaí 2×2 Sport (Série A).

 

 

Comentários