Coma de Dominguinhos é irreversível, diz filho do sanfoneiro

O coma do músico Dominguinhos, hospitalizado desde dezembro do ano passado, é irreversível, segundo contou o filho mais velho do sanfoneiro, Mauro da Silva Moraes. De acordo com Mauro, a família já havia sido informada do estado de saúde do músico há alguns meses, mas somente agora, no entanto, Mauro decidiu divulgar essa informação em respeito aos fãs.

“Estava tentando resguardar meu pai, mas essa é uma informação que as pessoas precisam saber. Dominguinhos é uma pessoa pública e adorada no Brasil inteiro. Muitas pessoas me perguntavam sobre meu pai e acho que chegou a hora de falar”. Na madrugada desta sexta-feira, o filho do músico contou ao Blog Play do jornal “Diário de Pernambuco” que desde quando Dominguinhos estava internado em Recife, os médicos já falavam que ele não acordaria mais.

Dominguinhos foi transferido para o hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, no dia 13 de janeiro, onde os médicos confirmaram o diagnóstico. “Quando meu pai ainda estava internado no Recife, um médico disse que ele não ia mais acordar. Não acreditei, outros médicos disseram que ele poderia sair do coma. Ele abria os olhos e ficava todo mundo esperançoso”, disse Mauro ao site. “No mês passado, o médico dele no Sírio-Libanês [em São Paulo]falou que o coma não tinha mais volta. Eu perguntei se ele ia acordar e ele me disse que não, que o quadro do meu pai estava caminhando para um coma vegetativo”, completou.

O radialista Paulinho Rosa, que tem um programa com Dominguinhos na Rádio USP e é amigo pessoal do sanfoneiro, contou à reportagem que foi informado do estado de saúde do músico há 20 dias. “Eu ainda tenho muita esperança que ele saia dessa. Já ouvi falar de casos assim. A Elba Ramalho foi visitá-lo recentemente e ele reagiu, teve os batimentos cardíacos acelerados”. Mauro ainda contou que mesmo sem sedação, Dominguinhos permanece de olhos fechados, mas tem pequenas reações. “De vez em quando ele abre os olhos, mexe os dedos, aperta nossa mão”. Em fevereiro, Mauro disse em entrevista que Dominguinhos “está em um sono profundo só dele”. De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, a posição oficial sobre o estado de saúde do músico é a mesma divulgada no boletim médico do dia 14 de janeiro, transcrito abaixo.

O Sr José Domingos de Moraes (Dominguinhos), permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

O paciente responde de forma satisfatória ao tratamento médico e apresenta melhora no padrão hemodinâmico e respiratório.

Entenda o quadro de saúde

Dominguinhos deu entrada no hospital Hospital Santa Joana, em Recife, no dia 17 de dezembro, com arritmia cardíaca e infecção respiratória. No dia 22 daquele mês, o músico precisou passar por uma cirurgia para a colocação de um marca-passo cardíaco temporário por conta da arritmia.

Neste período, o cantor foi submetido a uma traqueostomia e hemodiálise. Dominguinhos ficou sem sedação e, mesmo assim, não se comunicava com a família e médicos. No dia 8 de janeiro, ele sofreu uma parada cardíaca no hospital, que foi revertida. A pedidos dos familiares, no dia 13 de janeiro, Dominguinhos foi transferido para o Hospital Sírio-Libanês em São Paulo. Segundo o último boletim médico divulgado no dia 14 do mesmo mês, o músico respondia de forma satisfatória ao tratamento médico e apresentava melhora no padrão hemodinâmico e respiratório.

Dominguinhos continua com o marca-passo temporário e tomando medicações para controlar a arritmia.

Câncer

Diagnosticado com câncer de pulmão há seis anos, Dominguinhos sofreu um princípio de infarto no início de 2011, quando foi internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ele foi submetido a um cateterismo e a uma angioplastia. Por conta de seu estado de saúde, cancelou dois shows no final de 2011.

Comentários

Leave A Reply