Cinzas de vulcão chileno chegam ao litoral de SC e avançam pelo estado

As cinzas do vulcão Calbuco, em erupção no Chile, podem ser vistas na manhã deste sábado (25) no litoral catarinense e também na região do Vale do Itajaí.

“Visualmente, para quem não tem experiência, é difícil diferenciar as cinzas daquele aspecto nubladinho. Parecem nuvens altas,  os chamados cirros, mas são as cinzas”, afirma o meteorologista do Grupo RBS Leandro Puchalski.

Moradora de Porto Belo, no Litoral Norte, a fonoaudióloga Maria Angélica Fischer se surpreendeu com o que viu ao acordar neste sábado (25) na Praia de Perequê. “Não parecia nuvem, e sim uma camada fina de poeira. Inclusive mudou a cor do mar, ficou com cor acinzentada”, conta ela, que registrou a imagem.

Imagens de satélite mostram uma mancha amarela (veja abaixo) se afastando do Rio Grande do Sul à medida em que avança sobre Santa Catarina. “Mas a gente deve ter isso sobre todo o estado no fim de semana, alguns modelos mostram que pode chegar ao Paraná”, diz Puchalski.

O meteorologista acredita que, desta vez, dificilmente ocorrerá precipitação dessas cinzas em direção ao solo. “Não influencia na saúde, talvez não atrapalhe os aeroportos, a não ser que diminua muito o teto.”

Às 10h30, os voos no aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis, eram operados dentro da normalidade, de acordo com o sistema de monitoramento online da Infraero.

Previsão para sábado
Neste sábado (25), o sol aparece entre nuvens em grande parte das regiões de Santa Catarina. As temperaturas deve ser típicas de outono, mais baixas pela manhã e à noite.

Durante a tarde, as temperaturas ficam agradáveis e giram em torno dos 25°C na maior parte das cidades. Na Serra, depois de um amanhecer gelado, com 2,4°C registrados em Urupema, as temperaturas não devem passar dos 20°C.

 

 

 

 

Comentários