Assembleia da UFPE pode decidir destino do ano letivo nesta segunda

Os professores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) realizam mais uma assembleia na tarde desta segunda-feira (27). Na pauta prevista, de acordo com a Associação dos Docentes da UFPE (Adufepe), está a “avaliação da conjuntura e dos rumos da greve”. A reunião acontece a partir das 13h30, no Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), no Campus do Recife.

Segundo o presidente a Adufepe, o professor José Luiz Simões, cerca de 400 docentes devem participar da assembleia desta sexta. “Já temos uma grande quantidade de professores que confirmaram presença, mas não podemos adiantar o que será decidido numa assembleia que ainda vai acontecer”, contou. Na última assembleia do dia 3 de agosto, participaram cerca de 180 professores, dos quais 155 votaram contra a proposta do governo.

Para incluir o aumento dos gastos com os servidores federais para o próximo ano, o Projeto de Lei do Orçamento 2013 tem que ser enviado ao Congresso até a próxima sexta (31). A UFPE tem, atualmente, 28.688 alunos na gradução, 2.750 no mestrado acadêmico, 370 no mestrado prático e 1.600 no doutorado.

O reajuste
O termo de acordo proposto pelo governo federal assegura a todos os docentes um reajuste de pelo menos 25% sobre a remuneração de março, quando houve aumento de 4%. Para os professores titulares o índice atinge até 40%. Os valores serão pagos em três parcelas, nos anos de 2013, 2014 e 2015.

Pela tabela apresentada pelo Ministério do Planejamento e pelo Ministério da Educação, um professor titular, com dedicação exclusiva, passa de R$ 12.225,25 para R$ 17.057,74 ao se completar a aplicação do índice.

Esta é a segunda e definitiva proposta apresentada, de acordo com o governo. Pela anterior, onde os reajustes partiam do índice de 12%, o custo seria de R$ 3,92 bilhões e o pagamento ocorreria nos meses de julho. Agora, com os novos índices, o impacto no Orçamento da União é de R$ 4,2 bilhões. Além disso, a aplicação dos índices foi antecipada para março de cada ano.

UFRPE e Univasf

Os professores da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) fazem nova assembleia na sexta-feira (31), pela manhã. No último encontro, no dia 24 de agosto, ficou decidida a continuação da paralisação. A assembleia na Universidade do Vale do São Francisco (Univasf) acontece na terça (28).

Comentários

Leave A Reply