Após manhã de protestos, MST libera rodovias em Pernambuco

Oito dos nove pontos bloqueados por manifestações do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em Pernambuco foram liberados, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Dentre os trechos que estavam bloqueados, apenas a BR-243, no município de Águas Belas, no Agreste, ainda segue fechado. Os protestos começaram por volta das 8h desta quarta-feira (11).

Após as manifestações, uma comissão de 15 dirigentes do MST chegou ao Palácio do Campo das Princesas, na região central do Recife, e está sendo recebida em reunião pelo governador Paulo Câmara e o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Nilton Mota.

“Vamos discutir a questão do latifúndio, do agronegócio e do modelo agroexportador, e ao mesmo tempo discutir a necessidade da reforma agrária”, explica o dirigente que lidera a comissão, Jaime Amorim. De acordo com ele, a pauta das reivindicações do MST inclui ainda a questão dos assentamentos das famílias.

Comentários