Abertas inscrições para capacitação de mão de obra para a Fiat, em PE

Começam nesta segunda-feira (5) as inscrições para os interessados em participar do programa de capacitação de mão de obra para o Polo Automotivo de Pernambuco. Os cursos serão para as áreas de construção civil e montagem da fábrica, que será instalada no município de Goiana, na Mata Norte do Estado. Ao todo, serão cadastrados 10.173 trabalhadores que preencherão as 6.782 vagas distribuídas em 15 diferentes funções. As inscrições seguem até o dia 15 de dezembro, em 13 cidades (confira os locais de inscrição).

Os cursos são destinados apenas aos trabalhadores residentes nas cidades de Abreu e Lima, Aliança, Araçoiaba, Camutanga, Condado, Ferreiros, Goiana, Igarassu, Itamaracá, Itambé, Itapissuma, Itaquitinga e Timbaúba. “Essas 13 cidades escolhidas ficam a menos de 50 quilômetros de Goiana. A nossa ideia é dar o máximo de conforto ao trabalhador. Conseguimos com o Sistema S com que todos os cursos fossem dados nas cidades onde moram os trabalhadores, para não haver deslocamento”, explica o secretário estadual de Trabalho e Qualificação, Antônio Carlos Maranhão. A medida também permite que o trabalhador não tenha que se afastar do ambiente familiar.

Há vagas nos cursos de ajudante de pedreiro, auxiliar de almoxarifado, armador, almoxarife, apontador, azulejador, carpinteiro, encanador, encarregado de obras, operador de máquinas pesadas, pedreiros, pintor, supervisor de montagem e ajudante de montagem. Clique aqui para ver o quadro com o número de vagas por município.

De acordo com o secretário estadual de Trabalho e Qualificação, Antônio Carlos Maranhão, os candidatos que não tiverem o nível de escolaridade exigido pelo curso terão a oportunidade de fazer um curso de reforço de escolaridade, com um total de 100 horas, ofertado pelo Sesi. “Ao final desse reforço, devem comprovar que atingiram essa escolaridade, e serão encaminhados aos cursos de qualificação”, explica. Terão prioridade nos cursos os beneficiários do Bolsa Família e do Seguro Desemprego.

Tanto os cursos de capacitação, oferecidos pelo Senai, como as aulas de reforço estão previstos para começar no dia 2 de janeiro de 2012. O curso terá duração de dois meses e cerca de 200 horas ao todo. Já a previsão da Fiat é de que os trabalhadores sejam chamados entre os meses de março e abril de 2012. “É importante dizer que realizar o curso não assegura a vaga. O aluno deve dar tudo de si para se qualificar, de tal maneira que na próxima seleção, ele esteja habilitado e possa ser chamado”, ressalta o secretário.

Comentários

Leave A Reply